Notícias

EDUCAÇÃO DE QUALIDADE Projeto que recebeu Prêmio Crianças Mais Saudáveis é desenvolvido na Escola Municipal Tia Ercília
09 DE AGOSTO DE 2019

 — Foto: ASCOM

— Foto: ASCOM

✔O projeto Comer, Brincar e preservar a água não tem étnia e nem nacionalidade, desenvolvido na Escola Tia Ercília, continua realizando ações.

Neste sábado, a Associação de Pais e Mestres da Escola, realiza um bingo e feijoada para ajudar nas necessidades extras do projeto.

Além da feijoada e bingo, haverá programação alusiva ao Dia dos Pais, bem como diversas atividades, envolvendo corrida e gincana.

O projeto da escola do Município de Cantá ficou entre os dez melhores do Brasil e será executado ao longo de todo o ano, desenvolvendo cinco temas importantes.

Os temas são "escolha opções nutritivas variadas, brinque ativamente, escolha beber água, curta as refeições juntos e porcione as refeições".

Esses temas são desenvolvidos tanto dentro da sala de aula quanto no ambiente familiar dos alunos da escola.

Para desenvolver hábitos alimentares saudáveis junto aos alunos e comunidade, a escola recebeu recursos na ordem de R$ 35 mil da Fundação Nestlé.

Os recursos foram usados para atender algumas necessidades, como a implementação da cozinha. Entre elas, estão a compra de frizer, fogão industrial, armário e panelas.

Além disso, foram adquiridos bebedouro, material de educação física, para construção da horta e jogos pedagógicos.

*HORTA*
O parceiro do projeto na construção da horta é o Movimento de Mulheres Camponesas do Estado de Roraima.

Todos os alunos participarão do processo pedagógico na construção da horta.

#Capacitação de pofessores e merendeiros contará com parceiros

✅Conforme a professora Lindinalva Coelho, da Escola Tia Ercília, o projeto de destaque nacional prevê ainda a formação de professores e merendeiros.

A mentora do projeto, professora Luciene Soares Pereira, explica que o curso dos merendeiros e comunidade envolvida (pais dos alunos) será realizado por um dos parceiros do projeto, o Senac/Roraima.

"Já a formação dos professores ficará a cargo do Instituto Crescer, que acompanhará todo o processo pedagógico da escola", afirmou a professora.

#Projeto será acompanhado pela Fundação Nestlé

✔A Fundação Nestlé vai acompanhar todo o processo de desenvolvimento das ações constantes no projeto.

O acompanhamento será desde seu planejamento em sala de aula até o convívio familiar, a fim de promover mudanças nos hábitos alimentares dos alunos da escola.

Entre as atividades pedagógicas realizadas pelo professores junto aos alunos, destacam-se releitura da obra de Romero Brito *A arte de se alimentar* dentro das aulas de arte.